Brasil

Bando armado com fuzil, fecha estrada, explode carro-forte deixa 2 policiais baleados

Policiais que estão na ocorrência de ataque a um carro-forte em Cajuru, a 70 quilômetros de Ribeirão Preto, confirmam que a quadrilha conseguiu levar dinheiro na ação. Está está confirmado que dois policiais militares foram baleados






A suspeita é que os criminosos sejam os mesmo que a atacaram a unidade da Brinks da Lagoinha no dia 29 de outubro, na zona Leste de Ribeirão Preto. Desta vez, porém, o alvo foi um carro da Protege.






Pelo menos 10 homens armados de fuzis participaram do ataque. A ação destruiu completamente o carro-forte. A quadrilha chegou a abrir fogo contra o helicóptero Águia da PM.

Dois policiais foram baleados perto de Altinópolis. Até o momento não a informação do estado de saúde deles. Segundo o apurado, ainda há operações em rodovias da região para tentar prender a quadrilha.





Protege 

Em nota enviada pela assessoria, a Protege confirmou o ataque. “A empresa confirma que foi vítima de uma ação criminosa na região de Ribeirão Preto. Informamos que todos os colaboradores estão em segurança e estamos colaborando com as autoridades na investigação em curso”, informou.





A equipe do ACidade ON está no local e passa mais informações em breve

Comente com seu Facebook











Notícias Recomendadas

To Top