Após diagnóstico errado, criança de 3 anos morre nos braços da mãe
Mundo

Após diagnóstico errado, criança de 3 anos morre nos braços da mãe

Pinterest LinkedIn Tumblr

Eilish Flanagan é mãe de Aoife Flanagan Gibb, uma garotinha de três anos que faleceu após os médicos realizarem diversos diagnósticos errados. Acontece que Eilish levou sua filha ao hospital 11 vezes. E, em todas as idas, a garota era diagnosticada com constipação infantil, que ocorre quando bebês e crianças pequenas têm dificuldades para evacuar. Mas na verdade, Aoife tinha uma forma rara de câncer de estômago, que só foi diagnosticado cinco dias antes da sua morte.

“Foi completamente inesperado, ela teve uma parada cardíaca enorme. Eu a segurei porque sabia que algo estava errado. Foi então que ela morreu em meus braços. Eu estava pesquisando sobre o câncer de células germinativas. É raro, mas muito real, pode acontecer com qualquer pessoa”, relatou Eilish ao jornal The Mirror.

Durante as idas e vindas ao hospital, Flanagan chegou a ser questionada pelos médicos. “Não se trata de culpa ou raiva. É de prestação de contas.

Na primeira noite no Hospital Southend, eles me disseram que eu não estava alimentando ela adequadamente. Disseram que ela precisava de mais exercícios. Porém, ela tinha um cavalo e a cavalgava todos os dias”, declarou.

 

Comente com seu Facebook

Comments are closed.