Cantora gospel morre de Covid-19 após 10 dias internada em Cuiabá

A cantora gospel Selma Gonçalves morreu em decorrência da Covid-19, em Cuiabá, nesse domingo (28). Ela estava internada desde o dia 18 de fevereiro no pronto-socorro da capital.

Nas redes sociais, a igreja Assembleia de Deus de Cuiabá, amigos, fãs e familiares da vítima prestaram homenagens.

“Neste momento de dor e separação, o Pastor Silas Paulo de Souza se solidariza com familiares e amigos, pedindo ao Espírito Santo que vos console, conforte e os fortaleça”, diz a igreja, em nota.

De acordo com a filha, após ser internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) com problemas respiratórios, Selma apresentou uma melhora na semana passada.

Segundo a família, no dia 25 de fevereiro ela estava dependendo de apenas 35% dos aparelhos. No entanto, neste fim de semana, a cantora voltou a ficar em estado grave e morreu.

Devido às medidas de biossegurança, não houve velório. O sepultamento aconteceu na manhã desta segunda-feira (1°) com a presença de alguns familiares e membros da igreja para prestar a última homenagem.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0