Mulher é morta pelo marido com golpes de martelo na cabeça

Uma mulher, de 30 anos, foi morta pelo marido com golpes de martelada na cabeça. O crime aconteceu na noite de ontem (12) na casa onde moravam, na região da Chácara Veneza, em Sumaré. Segundo o boletim de ocorrência registrado no plantão policial da cidade, o assassinato ocorreu na frente do filho do casal de apenas 9 anos. Foi ele quem pediu ajuda após ver a mãe ferida.

O crime ocorreu na casa do casal localizada na Rua Soraia Gonzales, no Jardim Manchester. De acordo com a polícia, Adriany Regina Gomes Pina, que trabalhava como empregada doméstica, estava caída no quintal quando o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) chegou ao local. Porém, a mulher já estava morta. Já, o autor do crime, Alessandro Alves da Silva, 31 anos, fugiu e até a manhã deste sábado continuava foragido.

Esse é o primeiro caso de feminicídio em Sumaré e na região de Campinas neste ano. De acordo com funerária, o corpo da vítima ainda está no IML (Instituto Médico Legal) e só deve ser liberado por volta do 12h.

Ainda não há definição sobre horário de velório e enterro.O CRIME No boletim do ocorrência o irmão da vítima afirmou que estava caminhando na rua, próximo a casa, quando ouviu a discussão do casal e em seguida, viu o cunhado saindo de moto do local. Após isso, o sobrinho correu até ele pedindo ajuda a mãe que estava caída e sangrando. Foi ele quem chamou o Samu e a Polícia Militar.

Ainda segundo o boletim de ocorrência, Silva após matar a mulher e fugir da casa, mandou uma mensagem em áudio para o pai, onde disse que teria matado a mulher e pediu para que ele fosse ao local buscar o filho do casal.

Algo errado com esse post?

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0